www.acdcarapecos.maisbarcelos.pt
ENTREVISTA ao JOGADOR BRAVO
  
hidden hit counter
Associação Desportiva Cultural  de Carapeços . Fundada em 16 de Novembro de 1988
 
  
 
Campeonato Popular de Barcelos  Fundado  em 1994
 
Campo de Futebol foi inaugurado
 a 27 de Setembro de 2001.
 
 
 ACDC NO Faceboook
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Clique no Domingo às dez para saber as últimas  sobre o Popular de Barcelos
 

Plantel Sénior 2012-2013.

 G. Redes. Jonas,  Correia e  Costa.Naifas'

Defesas.

 Miguel, Costinha, Filipe,João, Hélder, Puma, Zé Cana,Octávio, Pombo.

Médios. ,Tátá,Bico. Maradona, André, Pedrinho, Né, Hélder. Rita, Romeu,Ventura.

Avançados.  Briosa , Coutada. Miguel. Gleidson,Mendes,Miguel Costa.

Melhores Marcadores 2012-2013     "Campeonato."

Briosa       16 Golos

Coutada 8 Golos

Bico         4 Golos

João       3  Golos

André 2 Golos

Né 3 Golos

Samuel 3 Golos

Gleidson 2  Golos

Miguel Costa 2 golos

Octávio 2 golos

Maradona 1Golos

Tátá     2      Golos

Miguel Costa 4 Golos 

Octávio   1 golos

Filipe     1 golos

 

Total       55 +2 Au   Golos

Após 29   Jornadas

 

 

Taça Federação

Bico 7 Golos

Briosa 5 Golos

Coutada 2 Golos

Miguel Costa 2 Golos

André   1 golos

Filipe 1 Golos

Tátá 1 Golos

 Após 3 Jornadas  2ª Fase

---------------------------------------------

-------------------------------------------

Plantel Feminino.2012-2013

Marta. Cláudia, Carla,Filipa, Mariana, Casanova,Té, Andreia  ,Cátia,Raquel, Joana.Marcia, Fátima, Fatinha Rita.

Melhores Marcadoras 2012-2013     "Campeonato."

Cátia 98 Golos

Raquel     27  Golos

Joana     23 Golos

Mariana   13 Golos

Té            4  Golos

Rita     3 Golos

Filipa     2 Golos

Andreia  1 Golos

Total      99+1  Golos

Após 22 ª Jornada

 
 
 
PARA VER FOTOS DA ENTREGA DO TROFÉUCLIQUE NA FOTO

 

 

FUTEBOL SENIOR " BREVEMENTE DAREMOS A CONHECER OS MARCADORESDOS 99 GOLOS  MARCADOS ESTA ÉPOCA.....

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

 

FUTEBOL JUNIOR "  marcadores de todos os golos " jonas 5,  Gil 5, J.Paulo 4, Maradona 3, André 3 , Zé Carlos 2, Varela 1, Costa 1.Taça,,, Maradona 4, Sérgio 2, Varela 1, Zé Carlos 1,Pimba 1. Jonas 1... 

 

 

 curiosidades, Mister dantas fez 123jogos ao serviço daacdc venceu 88 vezes, empatou 24, perdeu 13, marcou 253 golos sofreu 76 em todas as competições desde  13/o3/2008,,,a 13/04/2011,Ricardo jogou 14jogos seguidos 90 minutos em campo , totalizou 1260 minutos  sem ser substituido, a suaparagem aconteceu no dia 26 de Dezembro no jogoacdc-oliveirapara ataça de barcelos.  "ROMEU " FEZ 223JOGOS , VENCEU 153 VEZES ,,,EMPATOU 42, PERDEU 27 VEZES  MARCOU 77 GOLOS  E ESTEVE AUSENTE  POR  17JOGOS EM TODAS AS COMPETIÇÕES  DESDE A SUA ENTRADANA ACDC 26/07/2004 A 13/ 04/ 2011,,,, 


Seniores/Masculinos  

       2011-2012 

 

 

Clique na foto para ampliar

ALBUM DE FOTOGRAFIAS DA FINAL DA TAÇA FFPN.

 

VIDEO DA FINAL DA TAÇA FFPN

 

VIDEO DA FINAL DA TAÇA DE BARCELOS 1ª PARTE.

 

 

 

 acompanha as nossas equipas a novas conquistas,,, 

  

 
 
******************************
Juniores 2008-2009

 

VIDEO DO JOGO QUE FEZ DOS JUNIORESCAMPEÕES

 

CLASSIFICAÇÃO

 

VER SLIDES DOS JOGADORES ÉPOCA 2008-2009  

*************************************

Escolinhas
 2007-2008

 

   Sites da Freguesia

  Popular Barcelos


   Locations of visitors to this page

 
Imprimir esta página

 

Como é que começou no Futebol Popular?

Estou no futebol popular desde a 1ª edição. A cerca de 16 anos um amigo abordou a ACD Carapeços, com a ideia de iniciar em Barcelos um campeonato inter-freguesias, visto que nessa altura a nível local só existiam os torneios organizados por diversas associações. Na época eu tinha funções directivas na associação, achamos uma boa ideia, e reunimos em minha casa, eu, o David de Alheira (o homem que trouxe o projecto), o David Marinhoa e o Prof. José Fernandes. Delineamos os moldes organizativos contactamos algumas associações a participar e arrancamos. Achei que era uma competição interessante, e tendo contribuído activamente para a criação da prova cativou-me fazer parte dela como atleta.

Tinha competido  em outras Associações?  

Sim, competi em várias associações. Iniciei a minha actividade desportiva na ACD Carapeços a cerca de 26 anos, nos torneios que se organizavam pelas aldeias próximas, lembro-me de jogar o meu 1º torneio em S. Salvador do Campo, tinha 14 anos, mantive-me a esse nível até aos 18, quando surgiu um convite para jogar na associação de futebol de Braga, nomeadamente no Vila Chá, aceitei o convite mantive-me lá 2 épocas e depois mudei-me para os Estrelas de S. Pedro onde permaneci cerca de 6 épocas, voltei a ACD Carapeços após estas experiencias para jogar no campeonato popular onde ainda me mantenho.

 O que lhe levou a aceitar competir no Popular  e nomeadamente no clube da sua terra?

Foi pura e simplesmente a paixão pelo jogo, aqui no futebol popular se seguirmos a essência para a qual o campeonato foi criado, conseguimos sentir o gosto pelo jogo semana após semana. Trocar o futebol federado pelo popular foi em questões financeiras um passo atrás, em questões desportivas claramente fiquei a ganhar. A alegria emposta nos treinos no meio dos amigos de sempre duas ou três vezes por semana no tem preço.

A escolha pela ACD Carapeços deve se aos laços de amizade que eu tinha naquela associação, e conhecer a boa organização que aquela instituição tinha, e claro a sede de vencer títulos que  esta associação me podia porpocionar.

 

Entrou e nunca mais saiu: Quais foram as razões para esta continuidade no mesmo projecto?

 Minha resposta vai de encontro a anterior entrei e nunca mais saí, porque encontrei neste campeonato a alegria e gozo pelo desporto que sempre pratiquei. Depois de alguns anos no futebol federado diga-se até com bons resultados desportivos, a preocupação dos dirigentes dos colegas, e até dos adeptos com os valores que cada atleta ganhava tornou-se desgastante, também na altura surgiu uma proposta interessante para dar o salto para a 2ª divisão nacional, mas os negócios escuros do mundo do desporto com os quais não aceitei pactuar fizeram com que eu abandonasse cedo o futebol federado.

Já teve várias experiencias no clube. Que aspectos positivos gostaria de realçar?

De positivo claro são os títulos ganhos, mas melhor do que isso é o convívio e as amizades que se fazem dentro e fora da associação. Mas um aspecto que devo realçar é a facilidade com que quem chega de novo ao clube é absorvido por toda a gente e rapidamente faz parte da família da ACD Carapeços.

 

Que significado tem para si a ACD Carapeços?

É difícil encontrar adjectivos para definir a ACD Carapeços, e o seu significado. Mas posso dizer que ao longo de todos estes anos a associação foi uma segunda família, ajudou-me a crescer, e tem grande responsabilidade naquilo que me tornei desportiva e pessoalmente. Nesta casa fiz e continuo a fazer grandes amigos.

 

Tem uma carreira de muitos  títulos. Consegue ter ambição para continuar a jogar e ganhar?

Os títulos nunca são suficientes, e ambição continuo a ter muita e felizmente só sei jogar para ganhar. 4 Campeonatos, 5 taças cidade de Barcelos, 1 super-taça, 1 taça da federação popular do Norte e 4 títulos individuais, e um palmarés agradável mas nunca suficiente. Os mais de 300 jogos efectuados no campeonato popular pronunciam que os anos passaram e o arrumar das luvas esta próximo o ultimo jogo esta a porta, qual?

 

Que referências tem no futebol Popular; Dirigentes, Jogadores, e Treinadores?

O futebol popular é feito de gente que dá o seu tempo e sabedoria na maior parte das vezes por carolice. E é lógico que no meio de tantas pessoas corro o risco de ser injusto com alguém mas no dirigismo a pelo menos duas pessoas que me merecem algum destaque o Paulo Barbosa director desportivo da ACD Carapeços, pilar importante na organização e estabilidade desportiva um grande dirigente e um amigo enorme e o Prof. José Fernandes pessoa fundamental na organização desde do 1º campeonato popular, pelo equilíbrio e pela perícia imposta ao encontro de soluções justas.

Treinadores, existe no futebol popular uma figura incontornável a nível de treinadores o “Baganha”, treinador exigente, mas com um coração do tamanho do mundo. Tive o privilégio de ser orientado por ele durante algumas épocas, nem sempre é compreendido, mas quem com ele priva e lhe conhece as intenções, pode afirmar que trouxe para o popular uma nova filosofia e rigor a competição.

Jogadores, esta parte e muito difícil mas as maiores referencias que tenho, são aqueles que comigo treinam todas as semanas, ao frio e a chuva por amor a camisola ao longo destes 15 anos de popular. Mas uma palavra de apresso ao Rafa um miúdo com qualidade acima da média que consegue devido ao seu trabalho sentar-me no banco, até agora ninguém o tinha conseguido, força menino. E claro aqueles que me acompanham a mais tempo o Bruno, o Zé Caina e o Pires.

Como tem acompanhado a evolução do Futebol Popular?

Acompanho a evolução do campeonato popular  com bastante satisfação, nestas 15 edições, o crescimento qualitativo da organização faz-se sentir de ano para ano. Nota-se um grande esforço das sucessivas direcções do popular para melhorar cada vez mais a nossa competição, quer no apoio aos clubes (principalmente nas provas inter-concelhias), mas a maior evolução na minha opinião é no sector sensível da arbitragem, a melhoria dos árbitros e a aposta na sua formação veio melhorar claramente este sector.

O aparecer diversos campeonatos como os juniores, o feminino e as escolinhas é acautelar o futuro desta competição. Falta agora a organização criar uma competição de veteranos.

Que precisa de mudar na sua opinião.

Não vejo que seja possível proceder a grandes alterações, conheço diversas opiniões diferentes sobre o modelo e formato competitivo dos campeonatos, alguns defendem o fim do limite de estrangeiros nas equipas, outros a sua continuidade, eu pessoalmente concordo com as actuais regras da competição. Precisamos de acabar com o pagamento de prémios a atletas, há algumas equipas que usam estas práticas para serem mais competitivos e acabar com as” legalizações “ de atletas com alterações de moradas com a conivência das juntas de freguesia

 

Que mensagem  gostarias de deixar?

A mensagem que gostaria de deixar a todas as associações é que se lembrem com que objectivo foi criada esta competição. Dar oportunidade a todos os atletas que não tem capacidade de carreira poderem praticar desporto. Dar a possibilidade aos jovens de cada localidade poder fazer parte da sua própria associação. E acima de tudo ter prazer de jogar futebol.

Elaborado por:

José Pernicas da Silva,, em parceria com o Cávado Jornal.

Publicação 13 JUNHO 2009.